Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


25/01/2013 às 18:48 - Projeto-Piloto do Segundo Tempo/Escola Integrada é testado em Belo Horizonte  

Em Belo Horizonte, o Programa Segundo Tempo (PST)  faz parte da matriz curricular das escolas integradas. A estratégia adotada para seguir o calendário escolar foi aperfeiçoar e adequar as atividades do programa à realidade local. O projeto-piloto atende a 15,1 mil estudantes em 151 núcleos, distribuídos em 76 unidades de ensino, que abrem suas portas de segunda à sexta-feira, de 8h às 16h e oferecem, além do ensino regular, a universalização do conhecimento da muitas modalidades esportivas, até de esporte radicais como o slackline e os de aventura como escalada e rapel, que foram implantadas a pedido dos adolescentes.

Uma das ações específicas é voltada ao quesito esporte. A cada bimestre, no contraturno da escola, os alunos têm contato com uma modalidade coletiva e uma individual, em sistema de revezamento, permitindo-lhes o convívio com diferentes práticas. A garotada conta com aulas de basquete, futebol, futsal, handebol e vôlei. Ainda são oferecidas as ginásticas rítmica, artística e olímpica, atletismo, capoeira, lutas e esporte com uso de raquete como o tênis e o badminton.

Os jovens beneficiados têm entre 7 e 17 anos, estudantes do ensino médio e  fundamental. Como permanecem o dia inteiro na escola, eles recebem do Segundo Tempo três refeições diárias, sendo dois lanches (manhã e tarde) e almoço. Todos os 151 coordenadores de núcleo são graduados em educação física, bem como os coordenadores geral, pedagógico e setorial. O monitoramento e o acompanhamento do  PST são realizados pela equipe de coordenação. A ação permite uma melhor visualização e controle das atividades desenvolvidas.

Quatro ações anuais diferenciadas também são desenvolvidas no projeto. Uma delas, o Festival do  PST, promove uma série de atividades diferentes na rotina dos núcleos. O cronograma inclui brincadeiras, jogos, gincanas e premiações. O tetratlon é outra iniciativa realizada nos meses de setembro, outubro e novembro, que trabalha especificamente modalidade do atletismo como a corrida de média e longa distância, lançamento de pelota e salto a distância.

A terceira ação é o Festival Municipal de Xadrez realizado no mês de dezembro e a última é a participação dos alunos do Segundo Tempo no programa BH em Férias, promovido pela prefeitura. Durante as férias de julho e dezembro, as crianças contam com atividades esportivas do programa nas escolas, além de lazer e recreação no Parque da Cidade.

Foi necessário aperfeiçoar o modelo implantado pelo Ministério do Esporte. "Fizemos um piloto voltado aos alunos da escola integrada, cuja avaliação final acontecerá em agosto de 2013. Se estiver tudo certo, nosso modelo será levado para o resto do país", prevê a coordenadora-geral da parceria desenvolvida pela prefeitura da capital mineira, Consuelo Costa.  

O coordenador pedagógico do programa, Carlos Henrique Rios Trindade, ressalta que as atividades proporcionam aos alunos mais disciplina e concentração. "Isso ajuda no desempenho escolar e promove melhorias na qualidade de vida e na convivência da criança e do jovem com a família e a comunidade."


Carla Belizária
Foto: Divulgação
Ascom – Ministério do Esporte

Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook



  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: