Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


05/10/2012 às 18:50 - Fundista do Programa Segundo Tempo ganha destaque em competições  

Não restam dúvidas. A especialidade de Joseías Ferreira das Chagas, fundista de 14 anos, é a corrida de longa distância. Em cada prova de que participa, o estudante é revelação e surpreende todos com o seu desempenho no atletismo. Talento do Programa Segundo Tempo (PST), o jovem venceu em setembro a Corrida do Comando do 7º Distrito, mostrando que os desafios esportivos estão aquém de seu potencial como atleta.

Na competição, que reuniu militares de todas as corporações e forças em Brasília, um pequeno detalhe faz a diferença. O jovem venceu ao percorrer 4,3 km (para esta faixa etária, um quilômetro já é considerado longa distância) com o tempo de 14min30s, dois segundos a menos que o vice colocado no geral, o capitão Luciano, 35 anos, um dos dez melhores fundistas de Brasília.

Joseías frequenta o núcleo do Segundo Tempo coordenado pelo sub-oficial Faro, no Grupamento dos Fuzileiros Navais de Brasília. A proximidade do garoto com integrantes da Marinha fez com que ele se tornasse presença garantida em corridas. Quando começou a competir, ficava sempre entre 3º e 5º lugar. Em provas de curta distância, como a Maratoninha e a Candanguinha, sempre vencia. O jovem também foi campeão da Corrida do Dia do Soldado. Agora, prepara-se para a Corrida da Poupex, no dia 14 de outubro, no Parque da Cidade.

O professor de educação física, sargento Antônio Carlos de Miranda, não esquece o dia que identificou o talento de Joseías durante um jogo de futebol do PST. “Com as passadas, o menino parecia flutuar no ar. Vi que ele tinha potencial para o atletismo e resolvi montar um grupo de 20 corredores, meninos e meninas, e investir na modalidade”, conta o militar.

Filho de pai pedreiro e mãe empregada doméstica, o jovem fundista mora com mais cinco irmãos numa área de transição, em um barraco de madeira. Há dois anos no Segundo Tempo, o adolescente sonha em ser um grande campeão. Para isso ele deve continuar treinando com toda a infraestrutura oferecida pelo grupamento aos estudantes do programa de inclusão social do Ministério do Esporte, em parceria com o da Defesa.

Olimpíadas Escolares
No próximo ano, Joseías muda de categoria e vai para as provas oficiais de 3 mil e 5 mil metros. O estudante é forte candidato a participar das Olimpíadas Escolares em 2013. “Fui pessoalmente ao Centro de Ensino Fundamental 10 do Varjão, onde ele estuda, conversar com a direção do colégio para que seja feita adesão aos jogos do próximo ano”, afirmou o educador.

Patrocínios

Mesmo com a  participação no PST, em que recebe duas refeições (café e almoço), o treinamento esportivo e o reforço escolar, o estudante precisa de ajuda financeira para pagar os gastos com viagens durante competições. Enquanto 2013 não chega e ele não vence as Olimpíadas Escolares para pleitear a Bolsa-Atleta na categoria Estudantil, o jovem precisa de todo o tipo de ajuda.

Os treinamentos já estão garantidos pelo Segundo Tempo/Forças no Esporte. “Para participar das competições tenho que pagar despesas de viagem, hospedagem, alimentação e suplemento alimentar”, revela o jovem. Qualquer doação pode ser feita por meio do telefone (61) 8102-9074 e 9115-0116, ou no próprio Grupamento dos Fuzileiros Navais de Brasília – Setor de Clubes Norte Trecho 02, lote 01, ao lado do Iate Clube

O Segundo Tempo/Forças no Esporte garante transporte, alimentação, uniforme e a prática esportiva a 300 crianças do Grupamento dos Fuzileiros Navais de Brasília, e a 12 mil crianças e adolescentes de todo o país, distribuídos em quartéis da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. Além do Esporte e da Defesa, a iniciativa conta com apoio do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.


Carla Belizária
Foto: divulgação
Ascom – Ministério do Esporte

Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: