Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


20/09/2012 às 15:07 - Gêmeos do atletismo presenteiam Dilma Rousseff com vídeo do Segundo Tempo  

Os gêmeos Paulo Roberto e Luis Fernando de Almeida, de 33 anos, superaram muitas dificuldades para realizar o sonho que todo atleta almeja: a participação em uma Olimpíada. Paulo Roberto conseguiu o oitavo lugar nos Jogos de Londres, na prova de maratona, além de ter atingido o segundo lugar no ranking brasileiro. Luis Fernando não participou como atleta, mas viajou como treinador do irmão competidor. Os dois triunfaram no esporte graças ao apoio de parceiros como o Programa Segundo Tempo/Forças no Esporte, do núcleo no 71º Batalhão de Infantaria Motorizada do Exército, em Garanhuns (PE), onde treinaram durante quase um ano.

Eles também estiveram em Campos do Jordão (SP), Cochabamba (Bolívia) e no distrito de Setúbal, em Portugal, locais escolhidos por apresentarem condições climáticas semelhantes às de Londres. Formados em educação física, eles treinaram juntos, mas somente Paulo Roberto alcançou o índice olímpico, de 2h15min, meta imposta pela Confederação Brasileira de Atletismo para disputar a maratona, prova que encerrou os Jogos de Londres. O atleta carimbou o passaporte para a disputa com a marca de 2h10min, conquistada em Padova, na Itália.

Na cerimônia de lançamento do Plano Brasil Medalhas 2016, no Palácio do Planalto, no último dia 13, a dupla cumpriu mais uma missão: entregou um vídeo sobre o Programa Segundo Tempo/Forças no Esporte para a presidenta da República, Dilma Rousseff. “Brindamos nossa presidenta com um exemplar do vídeo institucional que mostra a rotina positiva, escrita pelo esporte, de 12 mil crianças e adolescentes contemplados em 80 unidades das Forças Armadas”, destacam os irmãos.

No DVD, relatos mostram que o esporte está mudando a vida de jovens atletas que começaram a despontar no cenário nacional e internacional. Entre os casos, estão o do estudante morador da Favela da Maré, no Rio de Janeiro, Albert dos Santos, 16 anos, campeão nacional de jiu-jítsu na categoria juvenil, e o de Denise ferreira, 13 anos, moradora de Garanhuns (PE), quarta colocada no Sul-Americano de Atletismo, em Lima.

Talentos com o pé no pódio
O oitavo lugar de Paulo Roberto na maratona olímpica se somou ao grande desempenho dos outros atletas brasileiros inscritos na prova. Marilson Gomes, de Ceilândia (DF), ficou em quinto lugar, e o mineiro Frank Caldeira chegou na 13ª posição. “Caso esses resultados fossem computados por equipe, o Brasil teria se classificado em segundo lugar, apenas atrás do Quênia, potência mundial nas provas de meio-fundo e fundo”, afirma Paulo Roberto.

Agora, o irmão Luis Henrique treina para o Mundial de Meia-Maratona, na Bélgica, no próximo dia 6 de outubro. Já Paulo Roberto, mesmo classificado para a prova, desistiu de participar. “Estou me preparando para as principais corridas do calendário mundial, seletivas para a Copa do Mundo de Maratona, em Moscou, no próximo ano. Disputarei a Maratona de Tóquio, em 28 de fevereiro, que poderá me credenciar para o Mundial da Rússia”.

PST/Forças no Esporte
Os gêmeos fazem parte do Segundo Tempo/Forças no Esporte, parceria dos ministérios do Esporte e da Defesa, que ajuda a melhorar a qualidade de vida da juventude carente do Brasil. Além de atendimento médico-odontológico, alimentação, roupas e transporte, os dois corredores tiveram suporte nutricional e fisioterápico, além do apoio incondicional de Bingo, técnico oficial do Forças no Esporte em Garanhuns (PE).

Carla Belizária
Foto: Arquivo pessoal
Ascom – Ministério do Esporte

Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: