Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


20/02/2011 às 17:00 - Segundo Tempo forma atletas e revela talentos em diversas modalidades  

O Programa Segundo Tempo (PST) em oito anos de existência, já atendeu a aproximadamente quatro milhões de crianças e adolescentes, todos habitantes das regiões mais carentes do País que encontraram no esporte uma opção para construir um futuro melhor.

Muitos desses jovens chegaram aos pódios como vencedores de suas categorias em competições nacionais e internacionais. Da seleção brasileira de canoagem às equipes nacionais de jiu-jitsu, caratê e atletismo, os exemplos são vários. O programa também contribuiu para a melhora do desempenho escolar e da saúde de seus beneficiados.

Seguem alguns exemplos de jovens que foram beneficiados pelo programa:

2011:
• No Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (Cefam) da Marinha, no Rio de Janeiro, cerca de 20 adolescentes do Segundo Tempo se preparam para representar o Brasil nas Olimpíadas de 2016 na modalidade de levantamento de peso. Os jovens foram submetidos a testes específicos e já estão competindo em nível nacional e internacional. Destes, Gabriela Távora, Carlos Alexandre Gomes e Cristiano do Patrocínio, moradores das comunidades populares de Acari, Vila do Pinheiro e Curicica, bairro de Jacarepaguá foram convocados para participar do Pan-americano Sub-17 em abril, na Venezuela. Eles têm como técnico, o Tenente Aveiro, da Marinha, treinador da Confederação Brasileira de Peso Olímpico.

2009:
• Antônio Jakson Conceição dos Santos conquistou por três anos consecutivos o Campeonato Brasileiro de Caratê na categoria 18 a 21 anos. O estudante do Segundo Tempo foi monitor do programa em Valparaíso (GO) e convidado pela Confederação Brasileira de Artes Marciais para representar o Brasil no Mundial de Caratê, na Argentina. Trouxe duas medalhas para o Brasil – foi campeão na categoria luta e 2º lugar no katá.

2008:
• Equipe do Segundo Tempo conquistou 151 medalhas em campeonatos internacionais de taekwondo. Nos núcleos do Segundo Tempo em Bom Jesus da Lapa (BA), um grupo de 40 crianças dos núcleos participou, em São Paulo, do Campeonato Brazil Open Mundial de Duplas e o Intercontinental de taekwondo. A equipe voltou das competições com 28 medalhas de ouro, 27 de prata e 33 de bronze no Intercontinental e 29 de ouro, 22 de prata e 12 de bronze no Mundial de Duplas.

• Time formado por atletas oriundos do Segundo Tempo vence 5ª Volta do Lago Paranoá de Atletismo da Caixa. Três moradores de Santa Maria (DF) deixaram muita gente para trás. Kleber dos Santos, e os irmãos Caíque e Danilo Braga mostram que o esporte de inclusão é o primeiro passo para se chegar ao esporte de alto rendimento. Foi nas aulas de atletismo, no Centro de Instrução e adestramento da Marinha (Ciab), que descobriram talento para o esporte e conquistaram, ao lado de cinco professores do programa, o primeiro lugar na categoria geral da 5ª Volta do Lago da Caixa.

2006:
• Jovem do Segundo Tempo conquistou o terceiro lugar em Mundial de jiu-jitsu. Morador do Assentamento do Varjão, periferia de Brasília (DF), Gustavo Gomes, 16 anos, apesar de ter treinado apenas pouco mais de um ano, conseguiu a façanha de subir ao pódio e conquistar o terceiro lugar na Copa do Mundo de jiu-jitsu olímpico, realizada em julho, em Niterói (RJ). O evento reuniu cerca de 500 atletas de mais de 20 países.


Ascom - Ministério do Esporte


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: