Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


01/03/2010 às 18:03 - Segundo Tempo faz Capacitação Nacional dirigida aos militares das Forças Armadas  

Os dois primeiros dias desta semana serão de aprendizagem e troca de experiência em nome do Esporte Educacional. Acompanhados por coordenadores de núcleo, da parceria Programa Segundo Tempo/Forças no Esporte desenvolvido em 25 estados e no Distrito Federal, comandantes de 70 unidades do Exército, da Marinha e da Aeronáutica estarão reunidos esta semana em prol da educação aliada à atividade física. Eles participam, nos dias 1º e 2 de março, da Capacitação Nacional de Coordenadores de Núcleo, específica para essa parceria. O evento será no auditório do Ministério do Esporte, no 4º andar do Edifício Bittar II, na 511 Norte.

De acordo com o coordenador-geral do Segundo Tempo/Forças no Esporte, comandante José Barros, do Ministério da Defesa, o evento antecipará um novo processo nas unidades de atendimento. “Após a capacitação, será iniciada, no próximo dia 15, a abertura de todos os núcleos do Programa Segundo Tempo.

Os trabalhos desenvolvidos nas unidades da parceria, que envolve o programa de inclusão social do Ministério do Esporte e o Ministério da Defesa, são exemplo de operacionalização no atendimento junto a 10,2 mil crianças e adolescentes carentes. Os jovens são estudantes dos ensinos médio e fundamental, da rede pública de ensino, em áreas de risco social.

Da inclusão ao alto rendimento
O Segundo Tempo disponibiliza aos participantes atividades educacionais como o reforço pedagógico, além da prática esportiva e do reforço alimentar. Mesmo se tratando de um programa de combate à exclusão social por meio do esporte, o Segundo Tempo desenvolvido pelas Forças Armadas tem se destacado também por seu investimento em esportes de elite envolvendo crianças carentes, como o iatismo, o tênis e o pólo aquático. “Outros esportes como o atletismo têm sido referência em nossos núcleos. Os alunos, de tão motivados, estão federados, competindo e subindo ao pódio”, completa Barros.


Carla Belizária
Ascom – Ministério do Esporte





  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: