Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


26/01/2010 às 17:11 - Segundo Tempo pretende triplicar o atendimento para 3 milhões de estudantes no Brasil  

Criado há sete anos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Ministério do Esporte investe em 2010 no Programa Segundo Tempo, com o desafio da universalização do esporte até o próximo ano para satisfazer as necessidades físicas e educacionais de 3 milhões de estudantes da rede de pública. Essa foi a meta anunciada nesta terça-feira (26), durante a Capacitação Nacional do Programa Segundo Tempo, por Gianna Lepre Perim, diretora do Departamento de Esporte Escolar e Identidade Cultural do Ministério do Esporte. Atualmente o programa contempla cerca de 1 milhão de estudantes.

O evento acontece até amanhã, no Hotel Nacional em Brasília, e conta com a participação de 200 profissionais, entre coordenadores gerais e coordenadores pedagógicos do Segundo Tempo. O programa de inclusão social por sua vez passa, atualmente, por um novo momento na democratização do esporte. O evento conseguiu reunir representantes de 124 novos convênios, com os quais está sendo utilizado um novo sistema de gestão do governo federal, detentor de maior esforço e transparência dos recursos públicos orçamentários, o Siconv.

Ao desejar boas vindas e compromisso aos participantes, a representante do ministro Orlando Silva explicou a fundamentação e a metodologia do Segundo Tempo, reforçando a importância do programa. A meta é orientar os gestores para que as atividades do programa se iniciem nos respectivos estados e municípios, com todas as ações estruturadas, atendendo às crianças de forma íntegra. “Uma boa qualificação dos recursos públicos depende muito da nossa aproximação com os parceiros, fortalecendo os convênios e valorizando iniciativas” reconheceu.

A diretora ressaltou que o Segundo Tempo não se trata de um programa formador de talentos, mas admitiu que tal ação “poderá identificar potenciais olímpicos”. De acordo com Gianna Perim, dentre um universo de 1 milhão de estudantes contemplados no país, vivenciando a oportunidade da prática esportiva, seria quase impossível não se identificar potenciais.


Parceira interministerial
O diretor do Departamento de Esporte Universitário, Apolinário Rebelo Figueiredo, anunciou aos presentes a formalização de um convênio entre o Ministério do Esporte e o Ministério da Educação. “Por meio da parceria entre o Segundo Tempo e o Programa Mais Educação do MEC, estamos garantindo o acesso à pratica esportiva e reforço escolar e alimentar a 360 mil estudantes, distribuídos em mais de mil escolas públicas”, disse.

Participaram da solenidade o representante da Controladoria Geral da União (CGU) Rogério Goulart e a coordenadora geral de Capacitação e Administração Pedagógica do Segundo Tempo, Cláudia Bernardo.

Durante a cerimônia foi feito um minuto de silêncio em memória das vítimas do Terremoto no Haiti.


Carla Belizária
Foto: Aldo Dias
Ascom – Ministério do Esporte



  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: