Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


29/01/2009 às 11:00 - Recreio nas Férias radicaliza na conscientização ambiental de estudantes no interior de SP  

Na cidade de Amparo (SP), o lance do Recreio nas Férias para 800 estudantes filhos de pais operários na indústria de sabão e de agricultores do plantio de verduras e do café, foi aprender brincando. O projeto desenvolvido pela Secretaria Nacional de Esporte Educacional do Ministério do Esporte (SNEED) permitiu que crianças e adolescentes embarcassem numa aventura ecológica inesquecível, com direito a brincadeiras radicais de tirar o fôlego.

A garotada é atendida pelo Segundo Tempo, programa de inclusão social do Ministério do Esporte em parceria com a prefeitura local. Durante o passeio ecológico, os jovens percorreram trilhas na mata, caminharam sobre ponte pênsil – feita de madeira, cordas e cabos de aço – e visitaram minas de água brotando no alto da montanha.

Adolescentes como Bruna Nery, 14, estudante da 8ª série, conheceram as riquezas naturais proporcionadas pela região onde mora. “Apesar de ter muito medo de aranha adorei o passeio à Reserva Ecológica Serra dos Feixos,” afirma. Para ter acesso ao local, mais conhecido como Mundão das Trilhas cujo tope atinge 800 metros de altitude, os estudantes fizeram a travessia do Rio Camanducaia dentro de uma balsa ou de uma tirolesa.

Atividade esportiva de aventura, a tirolesa consiste num cabo aéreo ancorado horizontalmente entre dois pontos, pelo qual o aventureiro se desloca através de roldanas conectadas por mosquetões a uma cadeirinha de alpinismo. Tal atividade permite ao praticante a emoção de voar por vales, contemplando belas paisagens. “Deu até frio na barriga. Valeu a pena encarar as alturas tanto na tirolesa quanto na ponte pênsil para poder beber água pura, deliciosa, numa nascente”, descreve Bruna.

A adrenalina, a diversão e a emoção não pararam por aí. Os jovens do Recreio nas Férias também participaram do Circuito Radical de Arvorismo, uma brincadeira radical com montagem de estrutura urbana, instalada no Parque Linear Águas do Camanducaia. A armação consta de quatro plataformas gigantes de dificuldades instaladas numa altura de 30 metros.

Nela, o aventureiro utiliza equipamentos de proteção como cinto de segurança e capacete para enfrentar os mais variados desafios como andar sobre uma corda apoiando-se em redes de nylon, percorrer torres na tirolesa. A proposta dessa brincadeira é que a exemplo dessa atividade os jovens apreendam a superar desafios na vida.

Durante a visita à Casa do Teatro onde assistiram à peça “Os Filhos da Mãe Terra”. Para filha de pai funcionário de olaria e de mãe dona-de-casa, Beatriz Carraro, 11, a peça a apelou para consciência de cada um quanto a preservação do meio ambiente. “A chamada foi bem forte pois nos fez refletir sobre o mal que estamos causando a natureza e sobre o que precisamos fazer para melhorar o planeta”, ensina a estudante da 5ª série.

Reciclagem no carnaval
Foi pensando nessa linha de conscientização que o Recreio nas Férias também ofereceu, por fim, a oficina de material reciclado. Além de aprender como proceder para reaproveitar materiais como plástico, papel, papelão, garrafa pet, que prejudicam a terra e levam muitos anos para deteriorar as crianças elaboraram uma alegoria para ser usada na cabeça durante o desfile de carnaval deste ano, no dia 23 de fevereiro. “Queremos no penúltimo dia de folia mostrar a importância da preservação da natureza e da reciclagem, com a produção de jogos e brincadeiras”, informou Maurício Toniolo, coordenador do Recreio nas Férias.

Esporte no combate a exclusão
Para o secretário Nacional de Esporte Educacional, Júlio Filqueira, o projeto Recreio nas Férias tem possibilitado ao Programa Segundo Tempo uma experiência muito valiosa. A escolha de um tema gerador para o Recreio em sua primeira edição, o Meio Ambiente, criou oportunidades de ação transversal com outras áreas e despertou a criatividade de vários parceiros. “Esse é sem dúvida mais um valor que o Projeto inaugurado este ano revela. Nele, o esporte que demonstra cotidianamente sua força como instrumento de integração e inclusão social oportuniza novas vivências para milhares de crianças e adolescentes beneficiados”, garante.


Carla Belizária
Foto: Alexandre Magno
Ascom – Ministério do Esporte


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: