Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


13/09/2006 às 17:58 - Jovens do Segundo Tempo de Lapa (BA) sobem ao pódio no Mundial de Taekon-dô  


Na cidade baiana de Bom Jesus da Lapa, perseverança é o que não falta entre os jovens que praticam defesa pessoal no Programa Segundo Tempo. Três estudantes são mostras reais de que no campo também se formam atletas. Em julho deste ano, eles disputaram no Ginásio do Ibirapuera (SP), o Brazil Open Mundial de Taekondo 2006, juntamente com mais 800 tecondistas de diversos países como Argentina, Chile, Coréia, Japão e Estados Unidos.

O resultado da competição superou as expectativas. Uma chuva de medalhas inundou, literalmente, a cidade do semi-árido baiano. O adolescente Henrique Arrudes, 17 anos, sagrou-se campeão na categoria juvenil poomsê e vice na categoria luta (64 a 69 kg). Henrique Marques, 14, também fez bonito no tatami e levou para casa duas pratas nas categoria luta ( 49 a 53 kg) e poomsê. Já Ronaldo Nunes, apesar da deficiência auditiva, não ficou atrás. Conquistou com garra o bronze na categoria luta adulto.

Mas as conquistas no esporte não ficaram por aí. Os alunos vencedores têm como ídolos Valdecy Lelis e Valdemir Teixeira, monitor e coordenador do Programa Segundo Tempo respectivamente. Os mestres tecondistas também participaram do mundial e conquistaram mais medalhas. Valdecy foi ouro na categoria master poomsê e prata na categoria master luta (67 a 80 kg). Valdemir foi campeão na máster luta e o bronze na máster poomsê.

Na parceria Ministério do Esporte e Associação Desportiva de Taekon-dô, os 400 estudantes atendidos moram em localidades de grave carência, onde a população convive com falta de infra-estrutura urbana de esgoto, calçamento e energia elétrica.


Arte marcial criada há dois mil anos na península onde hoje estão a Coréia do Sul e a Coréia do Norte, o taekon-dô é um esporte olímpico presente nos Jogos Pan-americanos e Sul-americanos e é praticado em mais de 160 países. Nele, o atleta utiliza as mãos e os pés para se defender ou atacar. De acordo com sua filosofia, só há três razões para usar suas habilidades: para defesa pessoal ou da família, para defesa de sua equipe de arte marcial em torneios e para defesa de seu país. Em Bom Jesus da Lapa, o taekon-dô é o carro chefe entre os esportes oferecidos pelo Programa Segundo Tempo.



Carla Belizária
Ascom - Ministério do Esporte


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: