Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


30/12/2004 às 13:18 - Ministério do Esporte libera mais de 20 mil itens esportivos em todo o país  

O Ministério do Esporte liberou hoje (30/12) mais de 20 mil produtos esportivos entre uniformes, bolas, bandeiras e redes em todo o Brasil. A remessa liberada, no valor de R$ 300 mil, irá abastecer os núcleos do Programa Segundo Tempo no Distrito Federal e mais de 500 escolas da rede pública de ensino em cinco estados brasileiros (Tocantins, Pernambuco, Paraíba, Mato Grosso e Amapá). Todos os materiais distribuídos nos estados são produzidos em presídios locais onde funcionam o Pintando a Liberdade, outro programa do Ministério do Esporte de inclusão social.

Em Tocantins, foram investidos R$ 33,7 mil para distribuição de 2,3 mil itens para 100 escolas públicas de todo o estado. As crianças terão acesso a bolas de futebol de campo, futsal e bandeira nacional. Em Pesqueira (PE), a recém inaugurada unidade de produção do Pintando a Liberdade no presídio local já está com alta produtividade. Os materiais produzidos na fábrica irão abastecer cerca de 42 escolas públicas da cidade e entorno que não tinham material esportivo para a realização de atividades físicas. Com investimento de apenas R$ 15,4 mil, o Ministério do Esporte conseguiu distribuir na cidade cerca de 840 bolas de três modalidades diferentes (futsal, handebol e vôlei) e 42 bandeiras nacionais.

Segundo o ministro do Esporte, Agnelo Queiroz, essa remessa irá abastecer as escolas públicas para o início do ano letivo em 2005. “Esse investimento vai beneficiar as escolas públicas que não tinham material esportivo para começar as atividades físicas no início do ano. Cerca de 300 mil crianças e adolescentes terão acesso a bolas e uniformes para praticar esporte já no início das aulas. Isso é um incentivo para desenvolver o esporte no Brasil”. Agnelo ainda acrescentou que a expectativa é aumentar a distribuição de materiais esportivos em pelo menos 25% no próximo ano. Em 2004, foram distribuídas mais de meio milhão de bolas para crianças e adolescentes de escolas públicas e dos núcleos do Segundo Tempo em todo o país.

Em Macapá (AP), foram liberadas mais de 1 mil bolas de quatro modalidades para 30 escolas públicas. O investimento foi de R$ 20 mil. Já em Cuiabá (MT), serão atendidas 80 escolas públicas com a distribuição de 2 mil bolas e 160 redes de vôlei. Campina Grande e João Pessoa, na Paraíba, também serão beneficiadas. Foram liberadas mais de 7 mil bolas para 260 escolas da região. O investimento nas duas cidades foi de R$ 130 mil.

Flávia Rochet


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: