Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


27/07/2004 às 18:01 - Grupo de pesquisa da UFC visita Segundo Tempo no Recanto das Emas  

O Geom - Grupo de Educação e Estudo Oncológico da Universidade Federal do Ceará acompanha de perto o trabalho realizado pelo Programa Segundo Tempo, na cidade do Recanto das Emas, em Brasília. Até a próxima sexta-feira (30/07), a psicóloga Célia Maria Leite e o estudante de Educação Física, Geraldo Arraes Júnior, desenvolvem pesquisa e intercâmbio de atividades com 200 crianças e adolescentes atendidos pela Opai - Obras de Promoção e Assistência à Infância e à Adolescência - parceira do Ministério do Esporte.

No primeiro dia de visita (21/07), os jovens da Opai receberam com música a equipe cearense, cantando “Aquarela” e “Amigos para Sempre”. Os alunos foram indagados sobre qual motivo os levou a participar das atividades do programa Segundo Tempo. “Não pensei duas vezes quando soube que aqui tinha basquete e vôlei”, afirmou Matias Pereira, 9 anos. A justificativa de Pedro Henrique, 10 anos, foi a prática de futebol de campo. Já Vitor Silva, 10 anos, “porque a comida é deliciosa”.

Antes da apresentação de vídeo sobre as atividades esportivas, culturais e turísticas do Ceará, foram distribuídos brindes aos alunos. Além dos pontos turísticos de Fortaleza, os jovens puderam conhecer esportes como o skate na areia, praticado nas praias cearenses, e asa delta, na cidade de Quixadá.

O presidente da Opai, Antônio Sérgio da Cunha, acredita que o trabalho realizado pelo Geom exerce grande importância para aprimorar o conhecimento turístico dos estudantes dos ensinos fundamental e médio, contemplados pelo Segundo Tempo. “A maioria sequer teve oportunidade de sair da cidade onde mora, quanto mais viajar para outros estados”, argumentou.

Depois da abordagem dos profissionais, os alunos foram praticar capoeira, caratê e kung-fu. “As três modalidades, implantadas recentemente, permitem a busca da disciplina, o auto-controle e o respeito ao próximo”, explicou o professor Edivan Filho.


Esporte usado como prevenção ao câncer

No Ceará, o câncer é a primeira causa de morte entre homens e a terceira entre mulheres. A experiência compartilhada com os estudantes do Segundo Tempo vai aprimorar o funcionamento das atividades esportivas e sociais desenvolvidos pelo grupo cearense que trabalha a prevenção do câncer com a comunidade infanto-juvenil.

O Geom oferece gratuitamente aulas de vôlei e basquete para mais de 100 crianças pobres, do bairro Rodolfo Teófilo, periferia de Fortaleza. A garotada conta, ainda, com oficinas de dança e artesanato, palestras e noções de saúde, numa instalação cedida pelo Lions Clube.

A cada ano, o Geom atende de 26 mil estudantes em busca de informações para trabalhos escolares e feiras de ciências. O trabalho é realizado em parceria com a Missionária da Infância, entidade de assistência da igreja católica.

As atividades do Geom fazem parte do trabalho do grupo de extensão do departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina. O grupo conta ainda com a colaboração de estudantes de Odontologia, Medicina, Nutrição, Fisioterapia e Psicologia e voluntários da comunidade na orientação preventiva da garotada.

A psicóloga Célia Leite manifestou interesse em firmar parceria com o programa Segundo Tempo como forma de assegurar um futuro melhor às crianças e adolescentes assistidos pelo Geom. “Com a doação da alimentação, uniforme, material esportivo e reforço escolar, pelo Ministério do Esporte, o trabalho de nossa ONG teria mais qualidade”, garantiu.

Carla Belizária


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: