Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


05/10/2010 às 09h54 - Trabalhos do 2º Premio Brasil de Esporte e Lazer serão avaliados esta semana


A comissão julgadora do 2º Premio Brasil de Esporte e Lazer de Inclusão Social, do Ministério do Esporte, avalia nesta semana o mérito dos trabalhos inscritos. A ação acontece de 06 a 08 de outubro, no Lake Side Hotel, em Brasília. Os trabalhos serão julgados por acadêmicos e especialistas na pesquisa do esporte e do lazer.

Durante esse período serão julgados e selecionados os três melhores colocados em cada categoria. A avaliação será feita segundo os critérios que constam no Edital Público, são eles: relevância, viabilidade, inovação, fundamentação e argumentação crítica, qualidade lingüística e qualidade visual.

Todos os 222 trabalhos cadastrados online já passaram pela avaliação preliminar. Na fase de enquadramento foram aprovados 182 trabalhos, divididos em cinco categorias. Na categoria ”Dissertação, Tese e Pesquisa Independente” concorrem 39 trabalhos, com participação de todas as regiões do país. A categoria ”Monografia de Graduação e de Especialização” conta com 29 trabalhos. “Relatos de Experiência” possui o maior número de concorrentes: um total de 66 trabalhos.

Já a categoria “Ensaio” atingiu 19 trabalhos e a categoria “Mídias”, dividida entre Jornalismo Impresso, Telejornalismo, Fotojornalismo, Webjornalismo e Audiovisual Educativo, conta com 29 trabalhos.

Dados comparativos
Na edição desse ano, a Região Sudeste continua com a maior participação. São 87 trabalhos ao total, mais que o dobro da segunda colocada, a Região Sul com 36. Os resultados também mostraram um crescimento em relação à edição passada. Em 2008 participaram 90 trabalhos, em 2010, o número dobrou.

“O aumento se deu ao conhecimento do concurso pelo público, a inserção das categorias de jornalismo e a utilização da internet, através de redes sociais, para a divulgação”, informa a secretária Nacional de Esporte e Lazer (SNDEL), Rejane Penna Rodrigues.

Carla Belizária
Ascom – Ministério do Esporte