Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias


31/05/2010 às 09h30 - Conferência binacional discute inclusão racial em grandes eventos esportivos


A secretária Nacional de Desenvolvimento de Esporte e de Lazer, Rejane Penna Rodrigues, participou, durante a última semana, na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, da Conferência do Plano de Ação Brasil-Estados Unidos para Promoção da Igualdade Étnica e Racial (JAPER Conferência). A inclusão racial em grandes eventos esportivos, como as Olimpíadas e a Copa do Mundo, foi destaque na Conferência, que foi promovida em parceria entre Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República (Seppir), a instituição americana Phelps Stokes e o Departamento de Estado dos Estados Unidos.

Durante o encontro, foram debatidas ações para o combate à discriminação racial e para garantir o empoderamento econômico e de trabalho, principalmente em relação às populações afrodescendentes e indígenas dos dois países. Além da conferência, o grupo brasileiro pode conhecer, também, algumas das experiências desenvolvidas pelo governo norte-americano em Washington, nos Estados Unidos.

Segundo a representante do Ministério do Esporte, secretária Rejane Penna, a visita à cidade de Washington foi marcada por reuniões de caráter governamental, buscando garantir direitos constitucionais. “Esses encontros foram muito importantes. Neles, falamos sobre questões burocráticas, de direitos humanos e de trabalho”. Rejane Penna lembrou também que no Brasil mais da metade da população (56%) se declara negra ou afrodescendente.

Já em Atlanta, a secretária participou dos debates na JAPER, atuando no grupo de discussão sobre “Justiça Social, Raça, Olimpíada e Copa do Mundo”. De acordo com Rejane Penna, durante os trabalhos foi discutida a participação da população afrodescendente nos grandes eventos esportivos, principalmente os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo. “O que estamos discutindo e construindo neste importante intercâmbio com os EUA, somado à experiência de Barcelona e ao que estamos acompanhando na Inglaterra, será refletido com certeza durante a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016”, completou.

JAPER
O Plano de Ação Conjunta Brasil-Estados Unidos para a Promoção da Igualdade Étnica e Racial (JAPER) reconhece que os dois países são democracias multiétnicas e multiraciais, cujos laços de amizade são fortalecidos através de experiências participativas. Valorizando as ricas contribuições dos afrodescendentes e das populações indígenas para a estrutura das sociedades brasileira e norte-americana, o JAPER busca desenvolver estruturas de colaboração bilateral para eliminar a discriminação étnica e racial e promover a igualdade de oportunidades em ambos os países.

O JAPER foi assinado em março de 2008, pela ex-Secretária de Estado dos EUA Condoleezza Rice, então em visita ao Brasil, e pelo ex-Ministro da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR), Edson Santos. Desde então, reuniões bilaterais vêm sendo organizadas no Brasil e nos EUA visando a implementação do plano. Nesses fóruns, representantes dos governos, da sociedade civil e dos setores privados dos dois países discutem questões centrais da igualdade racial, como: empoderamento econômico e trabalho; saúde; justiça ambiental; direitos civis e educação; e igualdade racial no sistema de justiça.

Ascom – Ministério do Esporte