Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

18/09/2012 às 12h24 - Presidenta Dilma Rousseff destaca em coluna semanal o plano Brasil Medalhas 2016  

Para colocar o Brasil entre os 10 primeiros países nos Jogos Olímpicos e entre os cinco melhores nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, o governo vai investir R$ 1 bilhão no período de 2013 a 2016 e ampliar o apoio aos atletas de alto rendimento. O plano Brasil Medalhas 2016, lançado oficialmente na última quinta-feira (13.09), foi destacado nesta terça-feira (18.09) pela presidenta da República, Dilma Rousseff, na coluna semanal “Conversa com a Presidenta”. Os recursos serão utilizados para construir centros de treinamento e beneficiar os atletas mais bem colocados no ranking internacional, em 36 modalidades – 21 olímpicas e 15 paraolímpicas.

Em resposta à pergunta da pedagoga Sandra Denise Rieth, moradora de Canoas (RS), a presidenta explicou que os investimentos estão previstos no Brasil Medalhas 2016. “Para ampliar o apoio, lançamos na semana passada o plano Brasil Medalhas 2016. O plano inclui apoio a técnico, equipe de apoio, equipamento esportivo, além de suporte ao treinamento e à participação em competições”, disse.

O Ministério do Esporte priorizará os investimentos nas modalidades com mais chances de obter medalhas. A estratégia é obter, paralelamente, crescimento intensivo e extensivo no desempenho esportivo. Isso significa conquistar mais medalhas nas modalidades que já as obtiveram e chegar ao pódio nas que ainda não conseguiram.

As modalidades olímpicas selecionadas são: águas abertas (novo nome para maratona aquática), atletismo, basquetebol, boxe, canoagem, ciclismo BMX, futebol feminino, ginástica artística, handebol, hipismo (saltos), judô, lutas, natação, pentatlo moderno, taekwondo, tênis, tiro esportivo, triatlo, vela, vôlei e vôlei de praia. As paraolímpicas são: atletismo, bocha, canoagem, ciclismo, esgrima em cadeiras de rodas, futebol de 5, futebol de 7, goalball, halterofilismo, hipismo, judô, natação, remo, tênis de mesa e voleibol sentado.

As demais modalidades continuarão sendo apoiadas pelo Ministério do Esporte e seguirão recebendo recursos pelas fontes tradicionais de financiamento federal.

Carla Belizária
Foto: Francisco Medeiros
Ascom- Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: