Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

16/03/2012 às 14h56 - Comitê organizador vai cadastrar pessoas com deficiência para trabalhar no Rio 2016  

Pessoas com necessidades especiais interessadas em trabalhar nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 poderão se inscrever em um banco de dados que está sendo criado pelo comitê organizador da competição. O banco visa fortalecer a colaboração com as instituições que, direta ou indiretamente, trabalham, auxiliam ou atendem a pessoas com deficiência no Rio de Janeiro e no Brasil.

O encontro para a criação do banco contou com a participação do diretor de Recursos Humanos do Rio 2016, Henrique Gonzalez, do gerente de Comunicação e Marketing do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Frederico Motta, além de integrantes de organizações não-governamentais que desenvolvem atividades voltadas para pessoas com deficiência e representantes governamentais.

Atualmente, o Rio 2016 conta com consultorias especializadas e uma parceria com o CPB, que indicam pessoas com deficiência para participar dos processos seletivos. Os interessados em participar do processo devem cadastrar o currículo no banco de dados, pelo sítio www.rio2016.org, clicar em “Quem faz” e em seguida “Oportunidades”.

O Comitê Rio 2016 cumpre determinação da lei brasileira a qual estabelece que as empresas com de 201 a 500 funcionários devem ter 3% de seu quadro funcional composto por pessoas com deficiência. A expectativa é que, nos próximos quatro anos, mais de 200 pessoas com deficiência estejam trabalhando para o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

Cleide Passos
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: