Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

26/08/2011 às 20h45 - Promessa para os Jogos Rio 2016 brilha no nado sincronizado e na natação  

Destaque em duas modalidades de esportes aquáticos, a carioca Nathalia Almeida conquistou a medalha de prata no Campeonato Pan-Americano Juvenil de Nado Sincronizado, disputado em Montreal, no Canadá, no último fim de semana. “É mais uma vitória que me incentiva a sempre estar melhorando para as próximas competições”, conta a menina, de apenas 14 anos, que compete também em provas de natação.

Contemplada com o programa Bolsa-Atleta, do Ministério do Esporte, Nathalia obteve o benefício por seu desempenho no Campeonato Sul-Americano de Nado Sincronizado de 2009, na Argentina, quando também ficou em segundo lugar. Considerada promessa para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, a atleta quer disputar competições nas duas modalidades em que treina. E continua se preparando para isso todos os dias, com afinco.

De volta do Canadá na última terça-feira (23.08), Nathalia já treinava na quinta-feira (25.08) para as próximas competições. Na semana que vem, disputa o Troféu José Finkel de natação, em Belo Horizonte, nos 100m livres e 200m medley.
 
“Existem vantagens ao fazer as duas modalidades simultaneamente. A natação ajuda no nado sincronizado porque ganho mais propulsão. Por outro lado, o nado sincronizado me dá mais fôlego e resistência na natação”, explica.

A atleta se prepara para o Campeonato Brasileiro Juvenil de Nado Sincronizado, em novembro, em Porto Alegre, e para a seletiva do Mundial de Juniores de 2012 na mesma modalidade, em dezembro, em São Paulo. Este ano, Nathalia já conquistou os primeiros lugares nas provas de solo e figuras do 1º Interfederativo Juvenil, disputado no Parque Aquático Júlio de Lamare, no Rio de Janeiro.

Recorde
No último Sul-Americano Juvenil, realizado este ano em Lima, Nathalia foi considerada a melhor atleta de natação: obteve duas medalhas de ouro, uma de prata, uma de bronze e um quarto lugar. Ainda quebrou o recorde sul-americano nos 200m medley e igualou o recorde sul-americano do revezamento 4 x 100m livre. No nado sincronizado, conseguiu três medalhas de outro e o Troféu El Delfin – Atleta Eficiência, concedido aos destaques da competição.

Praticante de natação desde os dois anos de idade, aos quatro Nathalia já integrava a equipe mirim federada. Hoje é atleta da seleção brasileira e do Tijuca Tênis Clube, que também apoia a nadadora. Filha de uma professora de natação e de um fisiologista de time de futebol, tem dois irmãos nadadores.

Foto: Arquivo Pessoal
Legenda: Nathalia e sua técnica de nado sincronizado, Gláucia Soutinho, no Centro Olímpico de Montreal
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: