Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

28/07/2011 às 15h50 - ÁUDIO E VÍDEO: Guga, Ministério e CBT fazem parceria de R$ 2 milhões para projeto olímpico    

O Ministério do Esporte e a Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciaram nesta quinta-feira (28.07) a assinatura de um convênio no valor de R$ 2.018.865,30 para o Projeto Olímpico de Tênis Rio 2016. A parceria visa transformar a academia do técnico Larri Passos, em Camboriú (SC), em um centro de formação de atletas para os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos do Rio de Janeiro. “Nossa expectativa é aperfeiçoar o trabalho técnico, a preparação dos nossos atletas e, quem sabe, ter um grande resultado no tênis em 2016”, explicou o ministro do Esporte, Orlando Silva.

O projeto, que tem aprovação técnica do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), será focado nas despesas dos atletas com viagens, salários dos profissionais e gastos com alimentação. “O investimento vai ser nas pessoas. O primeiro passo será fundamental para começar a identificar e capacitar melhor nossos atletas”, destacou o ex-tenista Gustavo Kuerten, que participou do anúncio do convênio no Ministério do Esporte.

A ideia é apoiar a fase de transição do juvenil para o profissional, etapa mais crítica do tênis, segundo Guga: “É uma fase que requer um cuidado especial”. Deverão integrar a equipe do projeto os atletas Thiago Fernandes, Thiago Monteiro e Bia Haddad, entre outros tenistas na faixa etária entre 15 e 23 anos.

O ministro salientou que a parceria com o tênis é uma de várias que vêm sendo realizadas em diversas modalidades e que pretendem tornar o país uma potência olímpica. “Esperamos um resultado em médio e longo prazo. É importante valorizar essa experiência e, daqui a seis meses, fazer um balanço sobre os trabalhos desenvolvidos. Assim, poderemos ajustar eventualmente o plano que anunciamos hoje”, disse Orlando Silva.

“O projeto, que envolve o Ministério do Esporte, o Comitê Olímpico, a Confederação Brasileira de Tênis, o melhor treinador brasileiro e os melhores jogadores, pode ser um marco e provocar melhorias em âmbitos do tênis brasileiro”, afirmou Guga.

Participaram do anúncio da parceria, além do ministro Orlando Silva e do tricampeão de Roland Garros Gustavo Kuerten, o presidente da CBT, Jorge Lacerda, e o secretário Nacional de Alto Rendimento do Ministério, Ricardo Leyser.

Confira a reportagem em vídeo



Confira a reportagem em áudio



Breno Barros
Foto: Francisco Medeiros
Ascom – Ministério do Esporte

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: