Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

26/08/2013 às 13h00 - Brasil conquista três pódios na etapa russa do Circuito Mundial de Vôlei de Praia  

O fim de semana foi de pódios para o Brasil no vôlei de praia. Na etapa de Moscou do Circuito Mundial da modalidade, na Rússia, a delegação nacional conquistou a medalha de ouro com Maria Clara/Carol, prata com Emanuel/Evandro e bronze com Ricardo/Álvaro Filho. A participação dos jogadores brasileiros no circuito mundial conta com o apoio financeiro do Ministério do Esporte, com custeio da comissão técnica e de apoio multidisciplinar, além de passagens, hospedagem e alimentação.

Veja também:
*Ministério do Esporte aprova mais de R$ 43 milhões para o vôlei em três anos  
*Ministério aprova mais de R$ 180 milhões para modalidades olímpicas e paraolímpicas

Com duas medalhas de pratas nas etapas da Holanda e dos Estados Unidos, a dupla Maria Clara/Carol conquistou o ouro ao vencer as alemãs Ludwig/Walkenhorst. Essa foi a segunda medalha de ouro da dupla brasileira no Circuito Mundial. A primeira foi conquista em 2008.

“A Alemanha tem um excelente time, apesar de novo. Tivemos um início de torneio muito difícil e tínhamos que fazer o nosso melhor para chegar até aqui. Apostamos em forçar o nosso saque o tempo todo em cima da Ludwig. Além disso, cometemos poucos erros e conquistamos nosso primeiro ouro na temporada. Estou muito feliz. Legal demais subir no lugar mais alto do pódio ao lado da minha irmã”, vibrou Maria Clara.

No masculino, a dupla com Emanuel e Evandro foi formada recentemente e teve poucos dias para treinar. Aos 23 anos, Evandro subiu ao pódio no primeiro torneio junto com o experiente Emanuel. “Sinto-me muito bem por voltar a uma final no Circuito Mundial. Cada vez que jogo com um novo parceiro, tento fazer algo diferente. Tentei dar o meu melhor ao lado do Evandro e acho que fizemos um ótimo trabalho. Não é fácil jogar com este tempo frio, por isso é ainda mais gratificante ganhar”, comentou Emanuel.

Investimento federal
Convênios do Ministério do Esporte com valores que chegam a R$ 24,8 milhões apenas para este ano garantem que a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) trabalhe com detecção de talentos, preparação de seleções e disputa de circuitos e campeonatos no exterior. Para 2013, foram cinco os convênios aprovados em chamada pública, mas, somados os repasses de outros sete, em 2011 e 2012, os investimentos do Ministério no vôlei passam de R$ 43 milhões em três anos, visando aos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Fonte: CBV
Foto: Divulgação/CBV
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: