Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

02/07/2013 às 11h30 - Brasil encerra participação na Copa do Mundo de Rúgbi de sete 2013  

A seleção brasileira feminina de rúgbi encerrou a participação na Copa do Mundo de Rúgbi de Sete 2013, disputada em Moscou, na Rússia. Foi a segunda vez que a equipe nacional encarou a principal competição da modalidade, realizada de quatro em quatro anos.  Na primeira fase, as brasileiras venceram a partida contra a equipe de Fiji, por 17 a 14, e foram superadas pelos Estados Unidos, por 12 a 7, e Espanha, por 26 a 10. Nas quartas de final da Taça de Bronze, contra a China, a seleção foi superada por 10 a 5.

As Tupis, como são conhecidas as jogadoras nas seleções, terminaram a edição da Rússia com sete tries convertidos, 39 pontos marcados e dois chutes de conversão concluídos. O Brasil encerrou a Copa do Mundo na 13ª posição.

Por ter pouca tradição na modalidade, a seleção brasileira mostrou evolução e capacidade de encarar as principais equipes da modalidade. Diante da equipes das Ilhas Fiji, uma das maiores potências do rúgbi de sete, as Tupis fizeram um jogo, com uma bela virada no fim do duelo, 17 a 14.

O técnico da seleção brasileira, o neozelandês Chris Neill, fez uma análise dos confrontos nacionais na primeira fase. “Contra os Estados Unidos fomos melhores do que eles, mas nem sempre quando você é melhor você vence. A arbitragem prejudicou nossa equipe, ao errar em algumas marcações. Criamos mais, mas pecamos quando tivemos as oportunidades de marcar" disse o técnico. “Depois na partida com a Espanha, acho que as emoções das meninas ficaram muito afloradas, fomos respeitosos demais e deixamos elas jogarem. No jogo final contra Fiji, fomos muito bem. Temos que ficar muito orgulhosos pelo que jogamos na partida”, completou.

A Taça de Ouro da Copa do Mundo foi conquistada pela seleção da Nova Zelândia, por 29 a 12, na final contra o Canadá. A equipe da Austrália levantou a Taça Prata (Plate) após vencer a Inglaterra por 14 a 5. O título da Taça de Bronze acabou ficando nas mãos de Fiji, após vencer a Holanda por 12 a 10.

Em 2013, a equipe nacional conta com um suporte financeiro especial. Por meio de convênio firmado entre o Ministério do Esporte e a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu), no valor de R$ 8,4 milhões, as seleções contam com investimentos para representar o país em competições internacionais, treinamento no exterior, entre outras ações.

Foto: Divulgação
Ascom – Ministério do Esporte

Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: