Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

13/06/2013 às 08h17 - Apoio ao golfe permite aquisição de equipamentos e participação em partidas  

Com o bom desempenho dos atletas brasileiros do golfe em competições internacionais e a futura participação nos Jogos Olímpicos, o esporte vem ganhando mais visibilidade no país. Na busca pela evolução da modalidade até os Jogos Rio 2016, a Confederação Brasileira de Golfe (CBG) conta com apoio de R$ 3,1 milhões disponibilizado por convênio com o Ministério do Esporte. O investimento será aplicado em diversas ações, entre elas a área de ciências do esporte: serão adquiridos seis conjuntos de Flight Scope X2, equipamento que fornece dados quantitativos sobre a execução dos fundamentos da modalidade e permite analisar características de trajetória e voo da bola. Outro equipamento, o Sam Putt Lab Standard, analisará 28 parâmetros da tacada putting, outro fundamento do golfe.

“Os equipamentos são de alta tecnologia e analisam a trajetória da bola. É algo novo no Brasil, e atenderá todas as regiões do país. Atualmente, os atletas contam com essa estrutura apenas em São Paulo. Os técnicos em cada região estarão treinados para utilizar os equipamentos, e isso garantirá o acesso aos atletas do país inteiro”, afirma o diretor executivo da confederação, Marcio Galvão.

Os recursos também serão utilizados para viabilizar a participação dos brasileiros nas principais competições do calendário internacional, além de formar equipe técnica, com fisiologista, preparador físico, psicólogo, nutricionista, médico e fisioterapeuta. “Nosso objetivo para os Jogos Olímpicos é classificar dois atletas no masculino e dois no feminino. Os golfistas atendidos pelo convênio vão participar de competições internacionais importantes para o ranking mundial e que definirão os atletas que estarão no Rio de Janeiro”, informa Galvão. Entre as competições importantes deste ano, os brasileiros encaram o Tour América 2013, com etapas em vários países do continente.

A prioridade da confederação é investir nos golfistas profissionais. Segundo o diretor executivo, a intenção é aumentar o número de atletas com nível para disputar os Jogos Olímpicos. “Se as Olimpíadas fossem hoje, o Brasil já teria dois atletas classificados pelo ranking: Adilson Silva e Alexandre Rocha. Com o convênio iremos dar suporte aos atletas profissionais que estão começando, para que atinjam o mesmo nível técnico”, destaca o dirigente.

Confira a série de matérias sobre os convênios do Ministério do Esporte:

Ministério aprova mais de R$ 180 milhões para modalidades olímpicas e paraolímpicas  


Basquete recebe maior investimento público na história da modalidade  

Convênios garantem preparação da base e evolução das seleções de basquete 

Desportos aquáticos ganham investimentos crescentes do ministério  

Esportes na neve buscam crescimento com apoio do governo federal

Convênio garante experiência internacional na esgrima visando a Rio 2016 

Convênio garante todo suporte e estrutura para judocas brasileiros  

Tiro esportivo tem estrutura de ponta no CNTE em Deodoro  

Seleção brasileira de tiro esportivo conta com trabalho multidisciplinar em Deodoro

Convênio para o tiro com arco atende ao alto rendimento e prioriza atletas de base  

Ministério do Esporte aprova mais de R$ 43 milhões para o vôlei em três anos  

Dupla feminina tem temporada brilhante no Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia 

Vôlei busca talentos em campeonatos de seleções de base 

Governo federal faz maior investimento na história do esporte paraolímpico nacional  

Convênio para o hipismo possibilita o treinamento de atletas neste ciclo olímpico

Luta olímpica tem apoio financeiro em preparação para o Rio 2016

Apoio ajuda handebol a se consolidar entre as grandes seleções do mundo

Melhor jogadora de handebol do mundo, Alexandra trabalha para jogar no Rio 2016

Provas internacionais realizadas no Brasil impulsionam o pentatlo moderno para 2016


Convênios melhoram estrutura e preparação do tênis de mesa
  

De volta ao calendário olímpico, rúgbi recebe investimento visando aos Jogos Rio 2016 


Paula Braga
Foto: Divulgação/CBG
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: