Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

03/09/2012 às 18h04 - Brasil ganha mais uma prata no atletismo dos Jogos Paralímpicos de Londres  

O brasileiro Odair Santos, que integra o programa Bolsa-Atleta, do Ministério do Esporte, ganhou mais uma medalha para o Brasil nos Jogos Paralímpicos Londres 2012. O paulista ficou com a prata nos 1.500m T11 (perda total da visão), com o tempo de 4min03s66. O ouro ficou com o queniano Samewl Kimani, que cravou 3min58s37, novo recorde mundial.

O brasileiro, que era o recordista mundial e havia se classificado para a final com o melhor tempo, liderou grande parte da prova, mas acabou sendo ultrapassado nos metros finais. Essa é a terceira Paralimpíada de Odair, que já havia conquistado três bronzes em Pequim-2008 e duas pratas e um bronze em Atenas-2004.

A visão de Odair foi afetada aos 9 anos de idade, por causa de uma retinose pigmentar. Aos 10, ele começou a correr, por influência de um tio. Após uma pausa na carreira, voltou com tudo, conquistando bons resultados e recordes mundiais. Em 2010, mais um duro golpe para Odair: reclassificado para T11 (perda total de visão), ele teve que se adaptar à nova classe e reescrever sua história da modalidade.

Dupla jornada
Ao lado de Odair, como atleta-guia, corre Carlos Antônio dos Santos, que também compete em de provas de fundo desde 2003. Carlos acompanha Odair desde 2010 e combina a carreira de atleta-guia com a de competidor. Santos ficou em quinto lugar nos 5.000m do Troféu Brasil de 2012.

Confira o hotsite sobre os Jogos Paralímpicos Londres 2012

Rafael Brais, de Londres
Foto: Buda Mendes/CPB
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter
e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: