Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

06/08/2012 às 21h32 - Esquiva Falcão conquista mais uma medalha para o boxe brasileiro em Londres  

Horas depois de a colega baiana Adriana Araújo ter assegurado no mínimo a medalha de bronze no boxe feminino, o pugilista capixaba Esquiva Falcão Florentino, que recebe Bolsa-Atleta do Ministério do Esporte desde 2009, também garantiu nesta segunda-feira (06.08) ao menos o bronze na categoria até 75kg dos Jogos Olímpicos de Londres.

Filho do pugilista Adegard Câmara Florentino, mais conhecido como Touro Moreno, Esquiva, de 22 anos, ganhou a luta contra o húngaro Zoltan Harcsa por 14 a 10 e obteve a segunda medalha do Brasil no boxe masculino na história dos Jogos Olímpicos. Ele ainda pode conquistar a medalha de prata ou a de ouro  após a semifinal - nas regras do boxe olímpico, não há disputa de terceiro lugar, por isso os dois perdedores das semifinais levam o bronze. Com as vitórias de hoje, o Brasil registra a melhor campanha na modalidade.

Ao celebrar a vitória, Esquiva fez com os braços o T em homenagem ao pai, de 75 anos, que ganhou o apelido de Touro Moreno nos anos 1960. Até a medalha olímpica, os principais títulos de Esquiva eram o terceiro lugar no Campeonato Mundial de 2011; bronze nos Jogos Sul-Americanos de Medellín, em 2010; segundo colocado na Copa Olímpica de 2010; primeiro lugar no Campeonato Brasileiro de 2010; e segundo colocado no Campeonato Pan-Americano de 2007. Ele garantiu a vaga em Londres com a medalha de bronze que conseguiu no Mundial de Boxe de Baku, no Azerbaijão, em outubro do ano passado.

Irmão
Na luta de estreia, no último dia 2, o brasileiro venceu Soltan Migitinov, do Azerbaijão. Integrante do Programa Petrobras Esporte & Cidadania, Esquiva vem de uma família de lutadores. O irmão mais velho, Yamaguchi Falcão, também está na disputa de medalha, na categoria até 81kg.

Também beneficiado pelo Bolsa-Atleta, Yamaguchi tem uma luta difícil contra o cubano Julio la Cruz Peraza, pelas quartas de final, na próxima quarta-feira (08.08). Outros dois irmãos também são pugilistas: Tomas Edson Falcão Florentino e Estivan Falcão Florentino.

Estivan - que ganhou o nome em homenagem ao lendário boxeador cubano Teófilo Stevenson, tricampeão olímpico - tem15 anos e luta na categoria até 56kg. Recentemente, o garoto ganhou o título brasileiro cadete, representando o Espírito Santo.

O agora medalhista olímpico Esquiva foi batizado com o nome de um dos movimentos do boxe: o pugilista se esquiva para escapar de um golpe do adversário.

Confira a reportagem em áudio:



Confira o hotsite sobre os Jogos Olímpicos Londres 2012

Sueli Scutti
Foto: Washington Alves/AGIF/COB
Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: