Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

02/08/2012 às 17h23 - Em bate-papo online, Sarah e Kitadai falam sobre a conquista olímpica  

Os judocas brasileiros medalhistas nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 Sarah Menezes e Felipe Kitadai, além do secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser, e do técnico de judô Expedito Falcão, participaram de um bate-papo online com internautas nesta quinta-feira (02.08). Os atletas contaram sua trajetória no esporte e responderam perguntas sobre a conquista da sonhada medalha olímpica. A transmissão com os judocas – beneficiados pelo programa Bolsa-Atleta – foi promovida pelo Ministério do Esporte, em parceria com a Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

“O bronze era minha última esperança de medalha olímpica e conseguir foi a resposta a um trabalho que representa uma vida”, afirmou Filipe Kitadai, que subiu ao pódio no último sábado (28.07), na categoria até 60kg.



Sarah Menezes, 22 anos, que fez história no judô brasileiro ao se tornar a primeira mulher do país a garantir o ouro olímpico na modalidade, ressaltou a importância do programa Bolsa-Atleta na vitória. “Essa conquista representa o meu esforço e toda a minha trajetória. O Bolsa-Atleta foi o início da minha carreira. Com 14 anos comecei a receber o auxílio. Facilitou muito, tanto na parte financeira como em competições, em que precisava pagar os gastos com passagem, hospedagem. Foi fundamental para que eu evoluísse a ponto de chegar à seleção brasileira”, disse.

Ricardo Leyser afirmou que ver os resultados dos atletas beneficiados pelo programa é um sinal de que a iniciativa deu certo. “Fico muito feliz com o resultado dos nossos atletas. Uma das coisas bacanas do Bolsa é que o recurso vai direto para o atleta. Quando vemos pessoas que foram ajudadas pelo programa chegando onde eles chegaram, é uma sensação de dever cumprido”.

O secretário destacou que está em fase de elaboração o Bolsa-Pódio, programa que beneficiará atletas com chances de medalha olímpica - os valores podem chegar a R$ 15 mil. O benefício se estenderá à equipe técnica que acompanha o atleta de alto rendimento.

Medalhas
Sarah Menezes subiu ao lugar mais alto do pódio após derrotar a romena Alina Dumitru, medalha de ouro nos Jogos de Pequim, em 2008. “A final foi a luta mais tranquila. A primeira foi a mais difícil, pois tínhamos pouco conhecimento técnico sobre a atleta vietnamita. As outras adversárias a Sarah já tinha estudado, o que facilitou o trabalho dela nos combates. Conhecer os adversários é fundamental”, afirmou o técnico da atleta, Expedito Falcão.

Já o medalhista Felipe Kitadai conquistou o bronze ao vencer a luta contra o italiano Elio Verde no golden score (morte súbita), com um yuko. Em sua primeira Olimpíada, o atleta do peso ligeiro (até 60kg) trilhou o caminho do bronze ao vencer as lutas contra Tumurkhuleg Davaadorj e Eisa Majrashi.

Nas quartas de final, o judoca brasileiro foi derrotado pelo líder do ranking mundial, Rishod Sobirov, do Uzbequistão. Na repescagem, Felipe superou o sul-coerano Gwang-Hyeon Choi no golden score.

O judô brasileiro conquistou mais uma medalha nesta quinta-feira, com Mayra Aguiar, que ficou com o bronze após derrotar a holandesa Marhinde Verkerk.

Confira a íntegra do bate-papo com os medalhistas olímpicos Sarah Menezes e Felipe Kitadai:



Confira a reportagem em vídeo da TV NBR:



Confira a reportagem em áudio:





Confira o hotsite sobre os Jogos Olímpicos Londres 2012

Ascom – Ministério do Esporte
Foto: Breno Barros
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook


  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: