Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

18/07/2012 às 09h30 - No Bom Dia, Ministro, Aldo Rebelo fala sobre a preparação dos atletas para Londres  

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, participou, na manhã desta quarta-feira (18.07), do programa “Bom Dia, Ministro”. Na entrevista de uma hora de duração com emissoras de rádio de todo o país, Aldo Rebelo falou sobre os investimentos do governo federal na preparação dos atletas brasileiros que participarão dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Londres 2012.

“Creio que, no caso dos atletas olímpicos, temos a expectativa de conquistar entre 15 e 20 medalhas. O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) prevê 15 pódios. Pelos grandes investimentos do governo federal no último ciclo olímpico, esperamos em torno de 20. Nas Olimpíadas, cerca de 40% dos atletas que disputarão os Jogos recebem o Bolsa-Atleta. Nas Paralimpíadas, cerca de 80% da delegação recebe a bolsa. Na preparação para Londres os nossos atletas tiveram mais condições favoráveis do que na edição de Pequim’, disse o ministro.

O Brasil será representado nos Jogos Olímpicos de Londres por 259 atletas (136 homens e 123 mulheres) em 32 modalidades. Destes, 111 (42%) são beneficiados pelo programa Bolsa-Atleta, do Ministério do Esporte. Já a delegação paralímpica brasileira que irá a Londres tem 182 atletas – 115 homens e 67 mulheres. Do total de competidores, 156 (85%) recebem o benefício do Bolsa-Atleta. O programa é a maior ação de patrocínio esportivo individual do mundo. Criado em 2005, distribuiu mais de 18 mil bolsas, com investimento de R$ 284,4 milhões.

Na entrevista, produzida e coordenada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, com transmissão ao vivo da NBR TV e do site da EBC Serviços, o ministro do Esporte falou também sobre a preparação dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. “Encerradas as Olimpíadas de Londres estaremos em contagem regressiva para as Olimpíadas do Rio de Janeiro. Temos o plano para construção da infraestrutura esportiva na cidade carioca e o plano de nacionalização das Olimpíadas. Vamos valorizar o nosso conhecimento e a nossa cultura, além da construção de equipamento esportivo em todo o país. Rio 2016 será uma oportunidade de desenvolvimento do esporte e do país”, disse.

Faltam cerca de quatro anos para que a elite do esporte mundial se reúna pela primeira vez em solo sul-americano, nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016. No planejamento do governo brasileiro, a competição será o ponto de partida para posicionar o país entre as maiores potências mundiais do esporte. “Esse planejamento é muito detalhado. Ninguém chega a se tornar uma potência esportiva do dia para a noite. Estamos elevando a nossa participação, por exemplo, nos esportes aquáticos e em outras modalidades. O fundamento é o planejamento na base, no esporte escolar, e a proteção dos nossos atletas desde o início da carreira”, explicou.

Confira vídeo com a íntegra do programa Bom Dia, Ministro




Confira áudio com a íntegra da entrevista no site do programa Bom Dia, Ministro


Confira o hotsite sobre os Jogos Olímpicos Londres 2012:



Breno Barros
Foto: Francisco Medeiros
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: