Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

16/07/2012 às 16h00 - Crystal Palace pronto para receber o Time Brasil  

Após dois anos de planejamento, várias visitas precursoras e alguns dias de operação e montagem, o Centro de Treinamento Crystal Palace está pronto para receber os atletas do Time Brasil que disputarão os Jogos Olímpicos Londres 2012. Quando a equipe de natação, a primeira a chegar à base do Time Brasil nesta segunda-feira (16.07), os atletas encontraram uma estrutura exclusiva para o treinamento na reta final de preparação para Londres.  

Logo na entrada do CT, uma faixa afirma: "Crystal Palace tem a honra de receber a delegação olímpica do Brasil”. Ao longo das várias instalações do CT, foram fixados vários banners com a marca do Time Brasil, além de imagens de atletas e conquistas históricas do Brasil em outras edições de Jogos Olímpicos.

“A preparação de toda essa estrutura não foi fácil, por se tratar de uma logística única. Pela primeira vez o Brasil tem um quartel general na cidade olímpica fora da vila”, explicou o superintendente executivo de esportes do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Marcus Vinicius Freire. “Montamos duas quadras de vôlei de praia, preparamos a piscina, o ginásio, uma pista de atletismo de primeiro mundo. Trouxemos uma grande estrutura de Ciências do Esporte, fisioterapia, médica e telemedicina. Esse é um case de logística que nos dá a sensação do dever cumprido”, completou.

A base em Crystal Palace é uma inovação na história das missões brasileiras em Jogos. O CT está preparado para abrigar atletas e todos os membros da delegação brasileira não credenciada para a Vila Olímpica. São médicos, auxiliares técnicos, treinadores, fisioterapeutas, sparrings, membros do departamento de Ciência do Esporte, entre outros.

“Agora que os atletas estão começando a chegar, todo o esforço vale à pena. Temos a certeza de que o Time Brasil tem tudo o que necessita para fazer uma ótima preparação final para os Jogos Olímpicos”, disse Edgar Hubner, gerente do Time Brasil no Crystal Palace, lembrando que o CT foi reformulado em várias de suas instalações, atendendo as necessidades definidas pelo COB, que teve a consultoria do ex-CEO do Comitê Olímpico Americano (USOC), Seteve Roush. O USOC é um dos únicos Comitês Nacionais a utilizar uma estrutura exclusiva para seus atletas, como a que foi montada no Crystal Palace.





Tecnologia

Uma das áreas mais importantes no atendimento aos atletas é a área de ciências do esporte, medicina e fisioterapia. As maiores inovações trazidas pelo COB para Londres são três robôs, que possibilitam uma equipe especializada em telemedicina entrar em contato, através de vídeo via internet, com especialistas de vários locais do mundo, dentro das necessidades que surgirem no atendimento aos atletas brasileiros. Esta tecnologia já foi utilizada para o atendimento à ginasta Laís Souza, que fraturou um osso da mão direita e não poderá mais participar dos Jogos. Médicos especialistas em mão da Universidade de Miami foram consultados e fizeram o diagnóstico final. “A telemedicina nos dá muitas possibilidades, podemos consultar vários especialistas no mundo inteiro e também no Brasil, onde seja necessário”, explicou o chefe-médico da delegação brasileira, Dr. José Padilha, lembrando que toda a estrutura de telemedicina foi instalada sem custos para a missão brasileira, através de convênio com a Universidade de Miami.

Além das necessidades de descanso, alimentação e cuidados médicos, o COB criou um ambiente onde os atletas brasileiros sintam-se o mais a vontade possível para que tenham no treinamento suas únicas preocupações. Para isso, foi montada uma estrutura que conta inclusive com uma "chef", Roberta Sudbrack, e nutricionistas brasileiros. Sudbrack elaborou, em conjunto com nutricionistas, o cardápio da delegação brasileira. Foi também a responsável pela indicação da equipe de cozinheiros e pela montagem do refeitório do Time Brasil, com capacidade para atender 210 pessoas simultaneamente. Seu trabalho em Londres é voluntário.

“A emoção de estar aqui servindo a delegação brasileira é muito grande”, disse Sudbrack, que foi goleira de handebol e um dia sonhou em disputar os Jogos Olímpicos. “A ideia é trazer um pouco do Brasil à mesa da delegação brasileira. Vamos fazer uma comida caseira, simples, com técnica precisa, junto à equipe de nutrição trazida pelo COB. Acho importante ativar a memória afetiva dos atletas, fazer com que eles se lembrem da comida da mãe, da avó e, assim, sintam menos saudades de casa e do Brasil”, explicou a chef.

Estrutura
O Centro Esportivo Nacional Crystal Palace, inaugurado em 1964, oferece acomodação para 144 pessoas em 87 quartos, salas de reuniões, lazer, relaxamento e refeitório. Salas de fisioterapia e atendimento médico, além de salas com audiovisual ideais para analises pós-treinamentos e reuniões de equipes. Possui pista de atletismo de 400m metros e oito raias certificada pela IAAF com capacidade para 16.500 pessoas. Área para salto em distância, salto triplo, salto em altura, salto com vara, arremesso de dardo, martelo e peso. Pista de atletismo indoor com seis raias e áreas para saltos e arremessos.

O Centro conta também com três piscinas (uma olímpica de 50m, outra para saltos e outra de 25m para treinamento), e um ginásio coberto com placar eletrônico e piso de madeira com capacidade para 1.500 pessoas, ideal para prática de basquete, vôlei e handebol, boxe e taekwondo, entre outros. Possui outro ginásio coberto apto para a prática de basquete, além de uma área coberta que pode ser adaptada para treinamento de uma série de modalidades.

O CT dispõe ainda de uma sala de musculação e condicionamento, campos oficiais de futebol e hóquei sobre grama em grama natural e sintética, três quadras de squash e quatro de tênis, que o COB transformou em duas quadras para o treinamento de vôlei de praia.

Serviços oferecidos pelo Time Brasil no Crystal Palace:

• Treinamento exclusivo nos horários desejados;
• Acomodação para 144 pessoas;
• Alimentação típica brasileira;
• Ciência do esporte;
• Análise de vídeo;
• Academia Technogym;
• Atendimento médico;
• Transporte exclusivo;
• Atendimento à Imprensa
• Projeto Vivência Olímpica


Fonte: COB
Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: