Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Notícias

 

05/03/2010 às 11h30 - Ministério do Esporte orienta gestores cearenses sobre o projeto Praça da Juventude  

Com o objetivo de esclarecer dúvidas e agilizar o processo de construção das Praças da Juventude no Estado do Ceará, o Ministério do Esporte, com apoio da Secretaria do Esporte do Estado (Sesporte), reuniu-se nesta quinta-feira (4) com os gestores municipais e estaduais do projeto, além de técnicos da Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelo repasse dos recursos. Já estão disponíveis os recursos para a construção de 16 praças, sendo sete no município de Fortaleza, e as demais em Crateús, Parambu, Tianguá, Coreaú, Novo Oriente, Sobral, Maracanaú, Iguatu e Juazeiro do Norte.

Durante o encontro, o consultor de relações governamentais da Praça da Juventude, Plínio Marcos Teixeira, explicou que o Ministério do Esporte oferece o projeto arquitetônico da praça e garante o suporte técnico durante toda a realização da obra. “Nós vamos disponibilizar os projetos básicos e cada município vai adaptar de acordo com a sua realidade e necessidades, mas é importante que o projeto arquitetônico seja respeitado para não descaracterizar o projeto”, orientou.

Os gestores presentes ainda tiraram dúvidas sobre documentação legal dos terrenos onde serão construídas as praças, prazos para entrega da documentação necessária à Caixa Econômica, orçamento e memorial descritivo do projeto arquitetônico.

O secretário de Esporte e Lazer de Fortaleza, Evaldo Lima, destacou a importância das praças para a inclusão social da juventude por meio de atividades esportivas e de lazer. Segundo ele, já estão confirmadas as Praças da Juventude para os bairros Edson Queiroz (comunidade do Dendê), Itaperi (Praça Cruz Grande), Granja Portugal, Bom Sucesso, Messejana e Conjunto Polar.

O coordenador de Planejamento da Secretaria do Esporte do Estado, Nelci Gadelha, pontuou que além da juventude, a população em geral também será beneficiada com as praças. “Os equipamentos como a pistas para caminhada e salas de ginástica beneficiarão o público em geral e, além disso, os quiosques de alimentação poderão ser uma fonte de renda”, avalia.


Ascom - Ministério do Esporte
Fonte: Secretaria do Esporte do Estado do Ceará

  Enviar Matéria Imprimir   Compartilhar: Facebook Twitter Orkut Link: