Redes Sociais: Facebook   Google Plus   Extragram   Twitter   Flickr   Youtube

Histórico

União pelo esporte

A idéia de criar uma competição que envolvesse os países das Américas surgiu em 1932, durante os Jogos Olímpicos de Los Angeles, inspirada também pela realização, seis anos antes, dos primeiros Jogos Centro-americanos. Concebida por alguns representantes de países latino-americanos no Comitê Olímpico Internacional (COI), a proposta tinha o intuito de desenvolver o esporte e promover a amizade entre os países no continente.

A realização do primeiro Congresso Esportivo Pan-americano, realizado em Buenos Aires, no ano de 1940, deu força ao projeto. No encontro, ficou decidido que a primeira competição seria realizada dentro de 2 anos, na própria Argentina. Os planos, porém, tiveram que ser adiados. Vários países do continente participavam da segunda Guerra Mundial, como Brasil, EUA e Canadá.

Somente em 1948, nos Jogos Olímpicos de Londres, o projeto do Pan-americano foi retomado. Durante o evento, membros americanos do COI se reuniram e oficializaram a realização do Pan-americano em Buenos Aires, cidade que tinha se oferecido para sediar a competição há mais de uma década. A edição ocorreu em 1951 e teve a presença de 2.513 atletas de 21 países, com 18 modalidades.

Competindo em casa, os argentinos venceram os Jogos, conquistando quase metade (46,9%) das medalhas de ouro em disputa. O Brasil se classificou em quinto lugar, com 32 medalhas, sendo 5 de ouro, 15 de prata e 12 de bronze

Apesar da história do Pan ser marcada por constantes riscos de cancelamento, desde a edição de 1951 o evento jamais deixou de ser realizado. Três confusões: a transferência de sede da terceira edição dos Jogos, de Cleveland para Chicago, a falta de segurança da capital de Porto Rico, em 1979, e o atraso das obras em Santo Domingo, em 2003. Mesmo essas confusões não foram suficientes para cancelar as disputas mais importantes das Américas.

Desde Cali, em 1971, procura-se estabelecer um rodízio entre as diversas partes do continente: primeiro, uma cidade do Sul abriga a competição, sendo seguida por uma do Norte e, por fim, da América Central. Todos os países da Odepa têm direito a voto na escolha da sede. Quem já foi sede da competição, vota duas vezes.

Os Jogos Pan-americanos foram crescendo de tamanho e importância a cada edição. Menos de cinqüenta anos após ter sido realizado pela primeira vez, o evento dobrou o número de países participantes, atletas e modalidades, tornando-se uma das principais competições do calendário esportivo mundial.

Realizado no ano anterior aos Jogos Olímpicos, maior evento esportivo do mundo, o Pan é a seletiva de algumas modalidades para as Olimpíadas. Entretanto, mesmo servindo de preparação olímpica, mantêm relativa autonomia em sua organização. Dessa forma, algumas modalidades que tenham aceitação no continente americano, mas não pertençam à relação de provas olímpicas, foram inseridas.